quarta-feira, 9 de julho de 2008

Aprendendo sempre...

Aprendi que não importa em quantos pedaços o coração foi quebrado,
O mundo nunca pára para que você o concerte...

Aprendi que o tempo não é algo que possa voltar para trás...

Portanto estou plantando meu jardim e decorando minha alma, ao invés de esperar que alguém me traga flores...

Assim aprendi realmente a suportar, ser forte, que posso ir muito mais longe depois de pensar que não se pode mais...

Que realmente a vida tem valor e que "eu" tenho muito valor diante da vida...

Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o bem que poderíamos conquistar se não fosse o medo de tentar!!!!

(William Shakespeare)
....
Tanto aprendizado, mas também tanta coisa para aprender.

A vida é assim, surpreendente, quando menos esperamos, algumas coisas acontecem e nos marcam, mas também quando queremos algo tão euforicamente e não conseguimos, achamos que nada dá certo na nossa vida...vai entender...rs

Estou aprendendo a ter auto-controle sobre minhas emoções, algo indispensável para quem busca a vitória em todos os momentos da vida...
Ser cauteloza seeeempreeee, confiar em quem mereçe sua confiança, menos sentimental em certas situações, mais racional quando a situação requer..rs..e assim vai, vivendo e aprendendo...

7 comentários:

No fear, No worry, No doubt. disse...

É isso, aprendendo sempre...eu diria "beber, cair e levantar"...kkkkkkkk.
Obrigada pelas palavras de incentivo.
Bjs imensos....

Vinha disse...

Eu ando aprendendo tanta coisa...

>: "Depois Daquela Viagem".. Li ainda adolescente e adorei... Pena q eu emprestei e não me devolveram... :( Tô pensando em comprar outro...

bjos!!

Jana disse...

e isso ai, um dia após o outro

beijo

Vinha disse...

Mulher, estou louca para ler "O Caçador de Pipas"... Louca!!!

Negâ disse...

Lindamente... menina sumi perdi tanta coisa que você postou.
Parabéns seu cantinho tá cada dia mais lindo... Mara.......

:D

Beijoss

Nathália disse...

Lindo esse texto.
E ter auto-controle é imprescindível. Por causa de algumas ações não pensadas que fazemos grandes besteiras.

Beijo!

Anja Rakas disse...

Sábias palavras...
Adoro esse texto, faz-me sentir viva e rodeada do Mundo.
O tempo continua ali, parado, batendo duas vezes no relógio, e nós mal nos apercebemos que somos nós que estamos passando por ele e não ele por nós.
Aprenda-mos com a sua perseverança...aceitemos que tudo que plantamos sabiamente colhemos.

Bjs angelicais